Poesias

Confessionais            

Beija Flor!

Jamais protegeria teu nome, por amor!
Por qualquer motivo!
Por qualquer codinome,
Que não o teu nome!

Ave rara,
Feixe rápido da luz,
Duma estrela guia,
Bela em maestria,

Distante da minha mão,
Eternamente...................distante,
Algo me consome!

Algo que sinto,
Alguém que não vem,
Alguém do meu instinto!

 

Autor: Eduardo Gomes
Data: 18/03/2003


 
 

Categorias Poéticas:


Eduardo Gomes          Tel.: 55 - 71 - 98148.6350     Email: ebgomes11@hotmail.com