Poesias

Indo-americanos            

000.008 - Pantera Negra!

Filha amada de Touro Sentado!
Filha amada de Serpente que Fuma!
Com seus lindos olhos azeitona de lince,
Encanta todos os jovens guerreiros da tribo!

Inteligentíssima qual pai e qual mãe,
Já desafia, desde pequenina, todos os guerreiros e guerreiras,
Que cruzarem seus caminhos, em combates intelectuais!
Sempre se sai vitoriosa e leva a melhor!

Ainda não encontrou um índio macho à sua altura,
Seu pai não aprovou os que apareceram,
E será muito difícil encontrar!

E isto se dá devido à enormidade de sua inteligência,
Mas com certeza um guerreiro à sua altura, vindo de outra tribo, vingará!
Pantera Negra já desafiou seu irmão mais novo, Pequeno Touro Sentado!

Autor: Eduardo Gomes
Data: 02/04/2005


 
 

Categorias Poéticas:


Eduardo Gomes          Tel.: 55 - 71 - 98148.6350     Email: ebgomes11@hotmail.com