Poesias

Quartetos            

4 Quartetos 000.011

Interessante,

Tanto sacrifício humano,

Tanto martírio,

Por nada!

 

Teu negrume mulata,

Maltrata,

Quem a ti,

Não possuir!

 

Naquele leito,

Corre em sangue,

Uma nação,

Que esmorece!

 

Maternal, pura,

Visceral, ternura,

Cândida Candura,

Reverência universal!

 

Autor: Eduardo Gomes
Data: 12/10/2004


 
 

Categorias Poéticas:


Eduardo Gomes          Tel.: 55 - 71 - 98148.6350     Email: ebgomes11@hotmail.com