Poesias

Hai Cai            

6 Hai Cais 000.003:

Tuas palavras ferem,

Quais espadas,

Corações desprotegidos!

 

O tempo transfigura,

Beleza em feiúra,

Sonho em ceticismo!

 

Cético qual esqueleto,

D’um morto consumido,

Pela decomposição!

 

Tirei tua calcinha,

Sorrindo,

Molhei minha boca!

 

Sinto-me pleno,

Ao tocar-te,

Sereno!

 

Comungo,

No teu corpo,

Minha hóstia!

 

Autor: Eduardo Gomes
Data: 29/09/2004


 
 

Categorias Poéticas:


Eduardo Gomes          Tel.: 55 - 71 - 98148.6350     Email: ebgomes11@hotmail.com