Poesias

Politizadas            

Índio Galdino

Edson, João, Adolfo, Boy e Ted

5 jovens de classe abastada de Brasília

Numa noite de álcool, drogas e orgia...

Assassinaram tal qual inquisitores.

 

O índio Galdino

Que dormia no solo de um ponto de ônibus da capital

O índio ardeu em chamas

Os jovens sentiram-se ímpios

 

Fortes destruidores das classes diplomadamente operárias

Verdadeiros toureiros

Hoje não sentem o sangue do touro.

 

Touradas de Espanha

Inquisição de esquálidos

Brincadeiras consequentes

Frutas nos corações

 

O índio ascendeu aos céus!

Edson, João, Adolfo, Boy e Ted...

Por que caminhos andarão!...

Um deles guiava o carro...

Autor: Eduardo Gomes
Data: 15/02/2003


 
 

Categorias Poéticas:


Eduardo Gomes          Tel.: 55 - 71 - 98148.6350     Email: ebgomes11@hotmail.com