Poesias

Contos            

Interrogatório!

Qual a tua idade?

Sete anos e sete vidas!

Contra quem conspiras?

Contra os imperialistas contra aqueles que morrem de sede; contra os que comem criancinhas...

Quais são suas armas?

Poesias!

O que te deteria?

Uma mulher fria!

 

Aonde pensas que vais?

Só quero caminhar, descalço, sobre a terra...

Que sentes?

Sinto calor, ternura...Etc...

O que temes?

Temo não ver jamais os olhos dela.

Dela quem?

A razão de nossas vidas...

 

Ela é virgem?

Eu casaria com ela assim mesmo!

Ela sabe de tua existência?

Eu transito nos seus sonhos!

Vocês já fizeram sexo?

Só por telefone...

Ela gozou?

Acho que gozou com a minha cara...

 

Quem tu amas de verdade?

Amo as filhas de Eva, gosto dos filhos de Adão...

Então tu amas apenas a Humanidade?

A natureza da Natureza...

 

Com quantos paus se faz uma canoa?

Sete palmos de terra!

Porque falas de morte?

Sonho com a sua morte!

Porque falas de vida?

Sonho com o amor...

O que é o amor?

Talvez o sorriso duma criança...

Porque brincas com o destino?

Estou falando sério...

 

O que é seriedade?

É serenidade!

O que é serenidade?

É o sereno da noite...

Tu és americano?

Do cone Sul do supermercado...

Porque filosofas?

É um bom passatempo!

Porque escreves?

Porque sou médico e juiz...

 

Não és poeta?

Não me ofendas assim!

Não és escritor?

Sim, das santas escrituras...

Você já leu a Bíblia?

Profundamente, ela foi escrita por lobos...

Você já leu o Alcorão?

Profundamente, ele foi escrito por chacais...

Você já leu poesia?

Li Augusto dos Anjos...

Você já ouviu música?

Sim, Raul, Zé Ramalho, Elis, Maria Madalena...

 

Porque afirmas que ela teve um caso de amor com Jesus?

Jesus era um profeta!

Não era um homem?

Não foi pai, não teve filhos, foi incompleto...

Como ousas profanar o que é divino?

Quero servir à Humanidade!

 

Acaso te achas o dono da verdade?

Só da verdade verdadeira!

És um servo da mentira?

Só da mentira mentirosa!

 

Tu te consideras inteligente; brincas com as palavras?

Mais que a maioria dos ursos...

És egocêntrico e convencido?

Convencido não! Egocêntrico sim!

O que pensas das loucuras?

Fazem parte das escrituras de um Titã...

Afirmas que Deus é louco?

Sim, louco por Maria...

 

Em que acreditas afinal?

Não seria mais sensato se me questionasses em quem acredito?

Em quem acreditas afinal?

Acredito em Pinóquio!

Um boneco de louça?

Não, um boneco de cera...

 

Gostas de mel de abelha?

Gosto, não é fel!

 

Considera-se venenoso?

Acho o mel gostoso...

Considera-se corrosivo?

Não sou ruivo...

Considera-se sombrio?

Não sou branco...

Considera-se claro?

Não sou escuro...

Considera-se iluminado?

Não sou amarelo...

Considera-se sanguíneo?

Não sou vermelho...

 

A qual das etnias; pertences?

Quero apenas passar no vestibular!

Não entendi tua resposta?

Pertenço a todas as etnias!

Então acreditas na igualdade entre os homens?

Não, só entre as mulheres...

 

Como foi a tua primeira vez?

Foi linda, e isto forjou a minha continuidade!

Como assim?

Recebi muito amor e carinho!

 

Dizem que és; Professor Universitário?

Não para universiotários!

Mas gosto muito dos questionamentos, inteligentes, a mim, dirigidos!

Existem pérolas intelectuais neste meio!

Que é onde podemos dar o melhor de si!

 

Dizem que és; Poeta?

Este meio me completa, excita, intriga, surpreende, me faz delirar e gozar intelectualmente! 

É fantástico escrever algo inteligente e ler posteriormente, diversas vezes e aprimorar-se!

É fantástico poder ensinar ao público, algum conhecimento que não tem compromisso com o mercadológico, mas sim com “verdades”.

E poder perceber a crítica... E aprimorar-se cada vez mais!

Amo ler, amo escrever! Isto é para mim, oração e meditação! Autoconhecimento!

Amém!

 

Dizem que és Analista de Sistemas e que estás a desenvolver o SIVAM?

Não mexo no que é dos outros!

O patrimônio natural da Humanidade?

Sim, as pirâmides do Egito, pois “Do alto destas pirâmides, soldados, ecoam 40 séculos de história”.

Quarenta séculos?

Sim, Ali Babá também...  

 

És partidário da cultura árabe?

Gosto da dança do ventre...

O que isto significa?

A sensualidade feminina!

Acaso consideras sensualidade importante?

As mulheres vão dominar o mundo!

 

És; profeta?

Só das mulheres!

És; um conspirador?

Só do aspira dor do pó...

Já usastes droga?

Consumi muita adrenalina, por muitos anos, agora acho que meu vício é escrever!

 

Confessas teus vícios?

Preciso de tratamento; senhores...

Porque não procuras um psicanalista?

Um analista de Bajé?

Sim, ele mesmo!

Acredito no seu trabalho? É pena que ele fale pouco!

Como assim, fala pouco?

Dr. Freud ensinou aos seus patrícios que o analista não deve falar, pois poderia induzir e influenciar as respostas do paciente. Que chato! Só o analisando fala; trata-se de uma relação unilateral...

 

Como assim, unilateral?

Gosto de falar e ouvir!

Gosto de escrever e ler!

Gosto de tocar e sentir!

Doctor Freud deve ser somente criticado?

Obviamente que não, pois toda neurose tem origem sexual! Fantástico!...

 

Queres construir um Épico?

Apenas escrevo uma poesia!

Então confessas, sentes-se poeta?

Porque, isto te ameaça?

Claro que não, eu tenho armas?

Armas atômicas e ou químicas e ou nucleares?

Armas que podem dizimar a Humanidade! Sinto-me mais inteligente! Um ser superior?

Não à poesia triste!!!

 

Pares de me questionar, eu sou o interrogador aqui, ponho-te na cadeira elétrica!!!

Podes pôr, estamos sem energia...

Dou-te uma injeção letal!!!???

Por favor, use seringa descartável!

Estás a falar de Aids?

Sim, coisa de Bamby!

Ah! Acreditas mesmo nisto?

Sim, acredito no meu veterinário!

 

Porque insistes em melhorar o mundo?

Existe outra coisa a fazer antes de morrer?!!!

Sim, sexo!

Claro, fazer sexo e esquecer do resto...

Tu que se dizes agnóstico, falas tanto de Deus?

Eu também luto por acreditá-lo?

Então acredite, meu filho!

 

Padre; pequei!

Sim?

Brinquei com o meu amor!

Este foi o seu maior pecado, esta deverá ser a sua maior redmissão!

 

Filho; qual é a santa trindade?

Paz, amor e poesia!

Brincas!

Porque o padre deve ser casto, senhor? Porque o celibato?

Pois este não deve almejar riquezas nem prazeres terrenalistas. Deve almejar, apenas, a glória do senhor!

 

Porque as santas têm que ser virgens?

Pois sexo é coisa impura, filho, está na Bíblia, está no Alcorão, e em outros livros místicos também...

Os verdadeiros mananciais de conhecimentos que libertarão os homens, como flor de lótus, da lama...

 

Filho, finalizando o perdão da montanha... Nunca brinques com teu amor!

Não madre!

 

Perdão pequena flor, perdão!

Por ti, em prantos, derramo todas as minhas lágrimas...

Sou órfão de ti!

 

Achas que deves ser redimido dos teus pecados, filho?

Confio no teu julgamento!

Tu mudas-te em fim o mundo???

Não, te mudei, senhor!!! 

Autor: Eduardo Gomes
Data: 14/02/2003


 
 

Categorias Poéticas:


Eduardo Gomes          Tel.: 55 - 71 - 98148.6350     Email: ebgomes11@hotmail.com