Poesias

Sensuais            

Quando senti teu perfume!

Quando senti teu perfume,
Quase beirei a loucura,
Que mulher cheirosa,
Que gostosura,

Que bela Diva diante de mim!
E me imbuí do mais hercúleo esforço,
Para não fugir um grau do teu gosto,
E te fazer feliz!

Desde o princípio, tanto prazer,
Tanta alegria e felicidade,
Corações unidos em bondade,

Exercitando o amor,
Exercitando o ato de amar,
Lindo! Lindo! Lindo!

Autor: Eduardo Gomes
Data: 25/11/2005


 
 

Categorias Poéticas:


Eduardo Gomes          Tel.: 55 - 71 - 98148.6350     Email: ebgomes11@hotmail.com