Poesias

Don Giovanni            

Coração em Cárcere

Deixe-me ir, imploro-te?

Não suporto mais,

Ser vassalo dos teus desejos,

Joguete em tuas mãos!

 

Deixe-me partir, piedade?

Não suporto mais a crueldade,

Que invade teu coração,

Eu que te tenho adoração!

 

Deixe-me ao relento?

Deixe-me só?

Logo, tornar-me-ei vento!

 

Tua feminilidade que domina,

Atiça-me fogo e mata-me,

Encarcerado em tua sina!

Autor: Eduardo Gomes
Data: 01/06/2004


 
 

Categorias Poéticas:


Eduardo Gomes          Tel.: 55 - 71 - 98148.6350     Email: ebgomes11@hotmail.com